THAIS NASCIMENTO , DE BRASÍLIA


A senadora Marta Suplicy (PMDB) foi duramente criticada durante a participação no seminário “Mulheres no Poder”, realizado no Senado na tarde desta quarta-feira, 14.
Durante o painel “Mulheres no Poder Legislativo”, um grupo de participantes ficou em pé e chamou a peemedebista de golpista e traidora. Ao ouvir as provocações, Marta respondeu que não importava o que elas dissessem pois estão do mesmo lado.
Depois da resposta da senadora, o grupo ficou ainda mais exaltado e outras mulheres engrossaram a manifestação. Foi necessário que a mediadora interviesse antes que o grupo se retirasse do auditório Petrônio Portella.

Marta Suplicy durante seminário – Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado
Marta Suplicy durante seminário – Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

“Os nossos representantes não estão dispostos a dialogar com a gente. A nossa ação é uma ação direta para representantes que não estão dispostos a dialogar, para pessoas que são eleitas com nosso voto e legislam em causa própria. E é sobre isso que nós estamos nos posicionando”, disse a artista Valquíria Rosa, uma das mulheres que lideraram a manifestação.
A senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM), as deputadas Carmem Zanotto (PPS-SC), Sonia Margarita Rodrigues Siguenza (El Salvador) e Beatriz Paredes, embaixadora do México no Brasil, também participavam da mesa.
O outro lado
Marta Suplicy disse que foi a primeira vez que algo assim aconteceu com ela. “E eu ando. Vou em reuniões, eu ando em aeroportos. Foi muito interessante ter ocorrido num grupo de mulheres. Me mostrou que as mulheres que têm a posição parecida com a minha na questão da mulher são muitas vezes mulheres de esquerda e ligadas a partidos e que consideram que a saída da Dilma um golpe. E é essa a reação. Elas deveriam pensar que a união faz a força”, disse a senadora.

Related Posts


Como fotojornalistas podem se proteger em ambientes de risco

Onde quer que trabalhem, fotojornalistas tendem a se destacar. O equipamento que usam faz com que sejam fáceis de detectar em uma multidão. As imagens que produzem também chamam atenção e, em alguns casos, podem ser um perigo. Centenas de profissionais da mídia são forçados a fugir de sua pátria para evitar intimidação, tortura ou prisão por […]

17.08.2017

Corridas de drones crescem na Argentina com melhores pilotos do mundo

País vizinho ao Brasil investe no esporte há dois anos e pode ganhar em breve um espaço físico para treinos.

14.08.2017

Comments


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *