AUGUSTO VALLE, DE BRASÍLIA


O jovem Victor tinha apenas 18 anos quando decidiu largar Maceió, no estado de Alagoas, para tentar a sorte na concorrida e difícil carreira de jornalista político em Brasília. Aprovado no curso da Universidade de Brasília, a UnB, o estudante iniciou uma saga que em poucos anos impressionou até Fernando Rodrigues, um dos mais respeitados do setor na capital federal.
Hoje, com mais de 21 anos, e estagiário do site Poder 360, Victor Gomes passa dias na redação e também no Congresso Nacional produzindo matérias e notas para um portal inovador, tanto no aspecto visual como no material preparado para os mais setores da sociedade civil.

Mais do que isso, participa de um movimento que sempre quis: trabalhar com a política nacional e também alguns aspectos da macroeconomia brasileira. Em suma, o menino alagoano realizou um sonho de infância ao trabalhar na sede do poder legislativo e executivo nacional.

Em encontro com alunos do curso Jornalismo e Poder, do Jornalismo Sem Fronteiras, o setorista do Congresso Nacional falou sobre o projeto que está desde maio deste ano. “Eu encontrei o Fernando no Congresso da Abraji (Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo) e trocamos contato. Algum tempo depois, um colega meu me avisou sobre uma vaga com ele e mandei um e-mail tentando mostrar que interesse pela vaga. No final de umas semanas, eu estava na redação trabalhando com ele”, diz Victor.

Crédito: Fernanda Miranda/ Jornalismo Sem Fronteiras
Crédito: Fernanda Miranda/ Jornalismo Sem Fronteiras

Projeto inovador do fundador, o modelo criado por Fernando Rodrigues é o Drive Premium, que oferece informações privilegiadas para empresários e políticos sobre os dados mais relevantes do cenário nacional. Embora não saiba quanto custe isso, o jornalista diz que essa plataforma pode ser um futuro para os comunicadores. “Esse modelo tem três versões por dia, incluindo uma agenda com as principais discussões que acontecem em Brasília durante a semana”, afirma o setorista.

Entre as mais diferentes perguntas dos futuros jornalistas, Victor Gomes mostra o aspecto importante para ser um case de sucesso na área política. “É preciso correr atrás de histórias e ser criativo para buscar um conteúdo exclusivo”.

Embora tenha publicado diversos conteúdos ao longo dos últimos meses, a vida de Brasília nem sempre é o glamour mostrado pelas equipes de televisão. “Podemos ficar horas na Cãmara dos Deputados e conseguir só produzir uma nota”, finalizou o jovem Victor que fala com brilho nos olhos da pequena, mas já carreira com importantes conquistas na capital federal do país.

Related Posts


Walter Longo: Os desafios da comunicação na era pós-digital

Presidente do Grupo Abril, Walter Longo fala sobre as mudanças que o mundo digital trouxe e defende a mídia tradicional A migração das mídias para o mundo digital se dá por mecanismo de adição e não por substituição. É a partir deste conceito que o executivo Walter Longo estrutura seu raciocínio para tratar da comunicação […]

22.06.2017

Los proyectos periodísticos tienen que contemplar todas las áreas

“Hay que despertar el espíritu emprendedor en los jóvenes periodistas. No se trata tanto de formación técnica sobre cómo montar un negocio (que es muy importante), como de despertar la inquietud en el periodista por la innovación, por hacer las cosas de forma diferentes a como siempre se han hecho o a cómo se le ha […]

22.06.2017

Así se hace un buen vídeo: diez consejos de una reportera del ‘New York Times’

Alexandra García durante una de las charlas del congreso de periodismo digital de Huesca./Foto ÁLVARO CALVO Alexandra García trabaja en el departamento de vídeo del ‘New York Times’ desde 2013. La ficharon después de nueve años en el ‘Washington Post’ y otro becada de la Fundación Nieman en la Universidad de Harvard. Alexandra nació en Colombia, pero […]

19.06.2017

Comments


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *